Se cair, levanta

Caí duas vezes em dez dias, há alguns meses. Uma vez durante as férias, no hotel, e a última já em casa, saindo para o trabalho. O último tombo foi bem mais feio que o primeiro, fiquei toda roxa e dolorida por um tempo. Nas duas vezes me levantei com a minha dignidade quase intacta.

Anúncios

Identifique seus pontos fortes e se prepare para o sucesso!

Já reparou como somos tendenciosos a sempre focar nas fraquezas e não nas potencialidades e características positivas, tanto nossas como das outras pessoas? Já ouviu falar que coisa boa atrai coisa boa e coisa ruim atrai coisa ruim? Focar nos pontos fracos é o mesmo que atrair e potencializá-los ainda mais.

5 hábitos simples para superar o nervosismo

O nervosismo pode começar a ser sentido na forma de tremor. Em seguida, a pressão aumenta. As mãos ou os pés agitam-se. As palmas das mãos ficam úmidas e você começa a sentir-se como se não fosse você. A calma interior desaparece e dá lugar à agitação. O nervosismo está de volta, como um velho amigo que você não quer ver. Chegou num momento inoportuno, como por exemplo, antes de uma reunião de trabalho ou no dia de um exame. Então, o que você pode fazer nesse momento? Evitar os compromissos, e elaborar uma desculpa convincente ou simplesmente cancelar o que era importante para você? Mas será o melhor? Acredito que não. Perante o nervosismo, importa aceitá-lo, compreendê-lo e desenvolver hábitos e estratégias que ajudam a lidar com este desafio de maneira mais eficaz e proveitosa.

Como o otimismo pode te levar ao sucesso

Ser otimista é ser capaz de enxergar o lado bom das situações, por pior que elas pareçam, e de aprender com os erros, pensando em soluções favoráveis para que eles não voltem a acontecer, tendo sempre como princípio básico a esperança de que as coisas vão dar certo. Mas na prática nem sempre o ser humano consegue ser otimista. Pior ainda, muitas pessoas são pessimistas e não conseguem enxergar lado bom nenhum na vida e nas situações do dia a dia.

Pare de se concentrar no que pode dar errado e comemore o que pode dar certo!

Venho descobrindo, ainda modestamente, que meu pensamento tem uma força inigualável. E isso tem me entusiasmado bastante! Se eu posso sonhar, posso realizar. E porque não poderia? Walt Disney disse, certa vez, “Se você pode sonhar, você pode fazer”. Pelo jeito ele já conhecia a força do pensamento! E eu me atrevo a dizer que se você tem sonhos, você pode realizá-los!