Comunicação Violenta: reconhecendo e mudando

O ser humano, em geral, assume uma comunicação violenta diante de situações de conflito. A comunicação violenta que me refiro aqui não é a agressão verbal em si, mas sim o que se pode chamar de violência passiva, aquela que gera raiva na vítima. Ou seja, é uma violência na forma de falar que acaba por fomentar o conflito ao invés de resolvê-lo.

Anúncios

Perfeição: ideal dos tolos

Estamos condenados a não cometer erros. Somos condenados ao cometê-los. No amor, somos submetidos ao regime da performance. Amamos a ideia do amor perfeito. Maltratamos o amor real. Estranho tudo isso! Não aprendemos ou, se aprendemos, estamos esquecendo que amar é aceitar as fraquezas dos outros e as nossas próprias. Não estamos mais aprendendo a se sensibilizar perante o outro, a esse outro de carne e osso. Não nos conectamos mais em olhares, em toques, em abraços, em companhias. Somos escravos de um ideal frio e mascarado.

Afinal, o que é consciência?

Como posso identificar sentimentos e crenças? Como tomar consciência daquilo que acontece dentro de mim? Afinal de contas o que é viver consciente? Você se acha consciente de si mesmo? Você sente que está atento ao seu corpo e pensamentos? Ninguém gosta de admitir que não controla totalmente a si mesmo. Mas o fato é que suas decisões são tomadas pelo inconsciente.