Protagonismo: quando o cachorro não come o seu trabalho

Protagonismo. Protagonizar. Ator principal. Muitos de nós não assumimos o protagonismo de nossas próprias vidas. Isso acontece quando atribuímos a responsabilidade por nossos atos a coisas, pessoas e acontecimentos que estão fora do nosso alcance. Pessoas assim estão sempre em busca de desculpas para justificar a falta de protagonismo: é a internet que não funciona, … Continue lendo Protagonismo: quando o cachorro não come o seu trabalho

Anúncios

Observar: o segredo para iniciar uma conversa de coração para coração

Você sabia que o simples fato de observar um comportamento ou uma situação e saber descrevê-la pode melhorar – e muito – seus relacionamentos? Vou te mostrar o porquê! Imagine-se na seguinte situação: Você sai de casa para trabalhar e pede que seu filho adolescente lave a louça. Horas depois você retorna e, adivinhe, a … Continue lendo Observar: o segredo para iniciar uma conversa de coração para coração

O que você gosta tanto de fazer que faria de graça?

Muitas pessoas não gostam do próprio trabalho. Outras trabalham apenas para pagar as contas ao final do mês. Pesquisas indicam que muitos profissionais sofrem de depressão pós-férias. Isso mesmo! Ao retornar do período de férias, eles entram em um processo de desânimo, irritabilidade, ansiedade, impaciência, cansaço, falta de motivação e sentem que algo não vai bem. E não vai mesmo!

Médico ministra palestra gratuita sobre Meditação e Felicidade

Evento online faz parte da programação do 1º Congresso Nacional da Felicidade. Inscrições pelo site conafel.com “A meditação como meio para conquistar a felicidade”. Este é o tema da palestra gratuita que será ministrada pelo cardiologista e ativista quântico, Dr. Milton Moura, na primeira edição do Congresso Nacional da Felicidade (CONAFEL). O bate-papo é online … Continue lendo Médico ministra palestra gratuita sobre Meditação e Felicidade

Saúde Mental: curando nossas relações doentes

O mês de Janeiro já está indo embora, mas os cuidados com a Saúde Mental devem permanecer por todo o ano. A OMS - Organização Mundial de Saúde diz que em breve mais da metade da população mundial terá algum distúrbio mental. Esse número é altíssimo! E quando vemos os índices de eventos trágicos envolvendo principalmente familiares, bem como o índice crescente e alarmante de suicídios, principalmente de jovens, precisamos parar e refletir como os indivíduos e suas relações estão doentes.

Se cair, levanta

Caí duas vezes em dez dias, há alguns meses. Uma vez durante as férias, no hotel, e a última já em casa, saindo para o trabalho. O último tombo foi bem mais feio que o primeiro, fiquei toda roxa e dolorida por um tempo. Nas duas vezes me levantei com a minha dignidade quase intacta.