Não tire o “S” da Crise

Você já ouviu aquela velha expressão que diz para tirar a letra “S” da palavra criSe e transformá-la em “crie”?

Tudo bem que isso é apenas uma forma de expressar, mas aproveitando quero fazer a seguinte reflexão: e se em tempos de crise ao invés de tirar o “S” você tentasse dar um novo significado para ele? O que acha de: Solução, Superação, Sucesso, Sorte?

Se tirar o “S” fosse algo tão simples para obter resultados, a execução não estaria tão em evidência como nos tempos atuais. E o que seria de qualquer ideia criativa se ela não fosse executada?

Ram Charan, consultor indiano, professor em Harvard Business e coach de grandes executivos, incluindo Jack Welch, é autor de diversos livros, quase todos best-sellers e entre eles Execução – assunto sobre o qual ele se tornou autoridade mundial. Charan diz que “não basta que você seja inteligente, pense mais e seja criativo. Tudo isso é importante, você precisa disso, mas deve converter tudo em ação. Isso vai fazer você se tornar um profissional bem sucedido”.

Como bem colocou Charan, a Solução para a crise não pode ficar apenas na criação, mas na ação, pois essa é a própria superação que, quando somada à outras estratégias, geram os resultados que conduzem ao Sucesso. Enquanto no Brasil boa parte das pessoas só sabe falar em crise, existem alguns “sortudos” que têm a coragem de andar na contramão das evidências em busca de alternativas que os façam atingir seus objetivos. Espero que você seja um deles, mas se não for, experimente perguntar a esses sortudos o que eles fizeram para obter resultados acima da média. Acho que uma das respostas que você ouvirá é que eles não perderam tempo lamentando pelas coisas que não aconteceram como eles gostariam; eles agiram.

LEIA TAMBÉM:
Corrupção: e o teu futuro, espelha essa grandeza?
Encontre suas asas e alcance o seu potencial
5 erros mais cometidos pelo casal na hora de dialogar

Em relação à sorte que mencionei como um dos significados para a letra “S” da palavra criSe, concordo com uma velha expressão que diz que “Sorte nada mais é do que a combinação de preparação e ação”. Se você se preparar, se acreditar mais em si mesmo e agir, poderá se surpreender com seus resultados. Evite generalizar os impactos causados pela crise e analise detalhadamente cada situação. Por mais que ela esteja afetando diretamente o seu setor, você é a pessoa mais adequada para avaliar se todas as alternativas cabíveis já foram exploradas. Assuma a liderança de sua própria vida e de seu negócio.

Tom Peters, considerado o guru da gestão, em seus mais de 50 anos de experiência no assunto destaca que, em períodos turbulentos, uma boa liderança é primordial. Em Abril deste ano, quando esteve no Brasil participando de um evento ele falou sobre 12 Lições para ser um bom líder. A busca pela excelência como uma estratégia de curto prazo é uma delas: “Excelência é o que você faz nos próximos 5 minutos”, afirmou Peters.

Ao pensar que a excelência demanda tempo e esforço, muitas pessoas deixam de discernir o importante do menos importante, como bem explica Stephen Covey, especialista em liderança em seu best-seller Os 7 Hábitos das Pessoas Altamente Eficazes: “devemos focar primeiro no mais importante”. Na prática o que acontece é que muitas pessoas e empresas se concentram no urgente e se dedicam pouco ou quase nada àquilo que realmente importa.

Administração do Tempo

Podemos encontrar na matriz de administração do tempo, uma metodologia criada por Stephen Covey em que foram distribuídas diversas atividades dentro de quatro grupos denominados de quadrantes de acordo com o seu grau de relevância. No quadrante 1, das necessidades, Covey considerou atividades como crises, problemas urgentes e eventos inesperados, assim como prazos de última hora como importantes e urgentes. O quadrante 2 é o da produtividade extraordinária. É onde estão as tarefas importantes e não urgentes, como: trabalho proativo, metas de alto impacto, pensamento criativo, planejamento, prevenção, construção de relacionamentos, aprendizagem e renovação. As empresas de maior sucesso no mundo dedicam boa parte do seu tempo para as atividades desse quadrante.

No quadrante da distração, considerado por Covey como o quadrante 3, estão as interrupções desnecessárias, relatórios dispensáveis, problemas secundários, reuniões irrelevantes, e-mails, tarefas e outras atividades sem muita importância. As atividades desse e do próximo quadrante são consideradas prejudiciais. O quadrante 4 nem deveria existir, pois é o quadrante do desperdício; nele estão todas as atividades que geram apenas prejuízo, como: telefonemas inúteis, conversas nos corredores, retrabalho causado por falta de atenção, fofoca, muitas horas de relaxamento em frente a TV. As empresas e pessoas que atuam nesse quadrante, estão muito mais propensas a sentirem os impactos das mudanças, sejam elas favoráveis, ou não.

Não dê poder à crise. Não permita que ela o aterrorize fazendo-o sentir-se incapaz. Mesmo com os fatores externos negativos a força da qual você necessita para superá-los está dentro de você e ninguém tem mais poder para acioná-la, além de você.

Observe que a palavra CriSe é composta por 5 letras que formam diversas outras palavras positivas que poderão ser incorporadas nas suas atitudes:

CRISE:

C = Comunicação, Coragem, Competência, Criatividade, Comprometimento.

R = Resiliência, Responsabilidade, Rapidez, Raciocínio, Renovação

I = Inteligência, Inovação, Irreverência, Iniciativa, Inspiração

S = Solução, Superação, Sucesso, Sorte, Sabedoria

E = Experiência, Excelência, Estratégia, Execução, Empreendedorismo

Além dos cinco significados que encontrei para cada letra existem muitos outros e se você procurar poderá encontrar diversas alternativas favoráveis para transformar todas as adversidades em excelentes oportunidades.

Tire o Máximo do Mínimo!

Por Shirley Brandão

ESTE ARTIGO CONTRIBUIU COM VOCÊ? ENVIE-NOS UM E-MAIL CONTANDO SUA HISTÓRIA: contato@potencialmaximo.com.br

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s